Skip to content

Tudo sobre o Método Montessoriano

metodologia montessori de educar

🤔 O que é o método Montessori?

Muitas pessoas ainda não conhecem e se perguntam, o que é o método Montessori ou Montessoriano? O principal objetivo desta metodologia é desenvolver ao máximo a autodisciplina, responsabilidade e autonomia das crianças (meninos e meninas), desde bebês.

Com base na experiência direta e numa aprendizagem motivadora, respeitosa e progressiva, as crianças podem alcançar resultados muito melhores para o seu desenvolvimento motor e mental, e para o seu crescimento como seres humanos usando como base o Método Montessoriano.

Princípios básicos do método de ensino e da pedagogia Montessori

Há muitos princípios básicos e, dependendo da interpretação, alguns dirão que existem 5 outros 10, outros 20 e assim por diante, independentemente disso, e com base nos ensinamentos e metodologia da própria criadora, Maria Montessori, podemos destacar os 5 princípios mais importantes, que são a base de todo o método:

  • Aprendizagem através da experimentação;
  • O Respeito pelas crianças;
  • A importância do ambiente, seja ele em casa, na escola ou outro;
  • Saber quais são os períodos sensíveis;
  • O papel dos adultos.

O Respeito pelas crianças

Podemos dizer que é um dos pilares fundamentais para que o Método Montessori funcione em sua plenitude. É muito importante que as crianças aprendam que o respeito pelos outros (crianças e adultos) é essencial para o seu desenvolvimento e, por isso, é também necessário respeitá-las da mesma forma.

Entre as formas de respeito, as mais importantes são: falar e tratar a criança como uma só pessoa, tendo em conta os seus desejos e sentimentos únicos e também não interferir em sua experimentação nem julgá-la.

Além disso, poderíamos acrescentar a importância, dentro da pedagogia e educação Montessori, de prestar atenção e dedicar tempo quando eles (as crianças) o solicitarem em diversas situações, como:

  • Estar aberto a responder às suas perguntas com total respeito, quer concordemos ou não com a sua abordagem.
  • Audição e observação ativas.
  • Estar atento e ser capaz de interpretar os seus sentimentos mesmo quando não se comunicam através de palavras (este grau de entendimento, é possível adquirir pela observação dos gestos e movimentos da criança, em diversas situações e reações).

Deixar a criança sentir-se confortável na atividade é um fator essencial de respeito, um dos pilares básicos mais importantes, assim como é extremamente importante entender que as crianças são únicas na forma como interagem com algo novo no método Montessoriano de ensino.

Cada criança é diferente, nenhuma delas vai agir igual as situações e forma de aprendizagem e deve ser tratada desta forma, individualmente, seu crescimento assim será rico e constante.

Nas atividades que envolvam socialização, alguns meninos e meninas são mais fáceis de interagir entre eles, enquanto outros preferem brincar e aprender sozinhos, tudo no seu próprio ritmo e de acordo com seus gostos particulares, não há problema algum com isso.

Existem também as crianças que gostam de interagir, brincar e participar de atividades em grupo, mas que necessitam de mais tempo para fazer a transição entre estar sozinha e em grupos.

Estas coisas também fazem parte do respeito de que necessitam e que os adultos devem oferecer.

brinquedo educacional montessori

Como Funciona a Aprendizagem Montessori através da experimentação

Quando uma criança pequena (ou bebê) faz uma tarefa ou atividade específica, pode ser que ela demore muito mais tempo do que outra criança e, claro, do que uma pessoa adulta demoraria para fazer.

Nós os vemos se concentrando, lutando,, tentando ou até mesmo ficando com raiva e indignação, mas não há motivo para preocupação, porque isso faz do parte do processo de aprender algo novo. Tudo ainda é novidade e inédito para o pequeno.

É desta forma, experimentando, errando e aprendendo que eles percebem e entendem suas próprias dificuldades e habilidades, bem como a complexidade de uma determinada tarefa.

Devemos permitir que estes momentos aconteçam livremente, sem interferências. Porque a realização de algo depende de quantas vezes tentamos, erramos e acabamos por conseguir fazer determinada tarefa. O mesmo se aplica aos adultos quando estão fazendo atividades que não costuma fazer ou nunca fez, a dificuldade é parte do processo.

Hoje, seja por conta do ritmo acelerado da vida ou por causa das novas tecnologias presentes em todos os lugares, a ideia de obter resultados rápidos e sem esforço se espalhou e toma a cada dia que passa mais a nossa vida.

Se pararmos e olharmos para as crianças, vamos ver e entender que dominar qualquer atividade requer insistência, paciência e perseverança, não existe outra forma, é uma grande lição para muitos adultos.

A aprendizagem da criança é baseada na experimentação, na tentativa e no erro até que o sucesso seja alcançado naquela determinada atividade individual ou em grupo. Este é um dos pilares do método Montessori mais importantes.

Devemos deixar meninos e meninas tentar e aprender a tirar as suas próprias conclusões do que estiver fazendo, mesmo que nem sempre as crianças tomem as decisões mais corretas para aquele momento. É uma das bases para o desenvolvimento da autonomia diante dos novos desafios.

Isso também vale para a decisão da criança de mudar de atividade. É muito importante respeitar a sua curiosidade e incentivar a aprendizagem autodidata deles.

Aprendizado Montessoriano

Conhecer e reconhecer períodos sensíveis

O desenvolvimento da criança não é, como mostra o sistema educacional convencional, uma linha ascendente e em constante evolução. A criadora do Método, Maria Montessori, chegou a conclusão na sua pesquisa prática que nos primeiros anos de vida das crianças, elas passam por diversos períodos que ela chamou de “sensíveis”, nos quais as capacidades dos pequenos de aprendizagem são muito mais fortes.

Esses períodos sensíveis são temporariamente limitados e não repetitivos, diferentes períodos sensíveis podem ocorrer ao mesmo tempo e tornar o menino ou a menina muito mais focada e concentrada em uma determinada tarefa que for realizar.

Os períodos sensíveis, ocorrem desde o nascimento até por volta dos 6 anos de idade, e podemos lista-los abaixo como:

  • Aguçar os sentidos;
  • Comportamento social;
  • Movimento;
  • Ordem e organização;
  • Desenvolvimento de habilidades motoras finas;
  • Controle esfincteriano;
  • Idioma;
  • Descoberta matemática;
  • Sensibilidade musical;
  • Leitura e escrita;
  • Relação com o espaço.

Se tiver interesse e queira saber mais sobre os períodos sensíveis, temos aqui no site uma página dedicada exclusivamente ao assunto.

Jogos Montessorianos para crianças

A importância do ambiente preparado

É fundamental que os espaços de desenvolvimento da criança sejam preparados e adaptados para estimular o livre desenvolvimento dos períodos sensíveis e de experiências novas. Também são conhecidos como áreas de aprendizagem Montessori.

Estes espaços ou áreas devem ser abrangentes e ordenados, e cada elemento deve ter um significado e uma função prática na sua aplicação para o crescimento das crianças.

Tanto nas escolas de ensino Montessori como em casa, os diferentes elementos devem criar ambientes propícios as atividades. Os materiais e objetos Montessori, sempre em ordem e no local, deve retornar ao lugar de onde foi retirado após o seu uso. Com isso, elas se tornam mais organizadas e aprendem a manter a ordem do ambiente em que estão.

Lugares e ambientes preparados para as atividades favorecem a autonomia da criança na aprendizagem e ajudam para que o momento de sensibilidade na aprendizagem se torne uma experiência plena.

Veja abaixo no vídeo exemplos de exercícios em sala de aula com equipamentos e atividades adequadas ao ensino numa escola que aplica o método Montessori com muita eficácia:

O papel dos adultos na educação das crianças

O adulto deve acompanhar a criança no seu desenvolvimento. Como já descrevemos, tanto em termos de respeito e tratamento, como em termos de apoiar e promover a confiança nos momentos de aprendizagem, o papel do adulto é o de orientar.

Como é que fazemos isto?

  • Respeitando os tempos individuais de aprendizagem e as fases de desenvolvimento das crianças.
  • Incluíndo as crianças na vida cotidiana e nas atividades da família como eles são: com mais alguns membros do núcleo familiar para que ocorra uma integração gradual dela dentro da família.
  • Criando um clima harmonioso propício à criatividade, ao jogo, à investigação e ao desenvolvimento sensível dos pequenos em casa.

Etapas da aprendizagem Montessori

Como a pedagoga Maria Montessori demonstrou com o seu método, existem 3 momentos distintos na vida infantil. Esses momentos são comumente chamados de Etapas no desenvolvimento do método Montessoriano.

A primeira etapa da infância foi chamada de “mente absorvente da criança”, que vai do nascimento do bebê aos 6 anos de idade. Esta etapa é  ainda dividida em duas partes: “o Inconsciente” (que vai de 0 até  os 3 anos) e “o Consciente” (dos 3 aos 6 anos de idade).

Estes primeiros anos da nossa vida são muito importantes, pois muitos dos nossos conhecimentos mais básicos são iniciados nesta fase e farão parte do nosso desenvolvimento futuro (como está descrito nos períodos sensíveis mencionados neste site).

sistema montessori

A segunda etapa, chamada de “Período da infância”, que vai dos 6 aos 12 anos, coincide com o que seria o período da escola primária na educação oficial. Durante estes anos, as crianças não só forjam e consolidam os seus conhecimentos práticos, mas também os seus conhecimentos sociais, éticos e políticos.

A terceira e última etapa da infância seria, segundo Montessori, a “Adolescência”, que vai dos 12 aos 18 anos e prepara as crianças, que já não são crianças, para a vida adulta e seus desafios.

Existe ainda uma quarta etapa que vai dos 18 até os 24 anos, chamada de Maturidade, é onde a pessoa, já na fase adulta, consolida sua vida social, emocional e de aprendizagem evolutiva

Escolas Montessori no Brasil

Levando em consideração que falamos sobre todo o universo educacional e pedagógico criado por Maria Montessori, muitas pessoas chegam até nós querendo saber onde matricular ou onde encontra escolas, colégios, jardins da infância, que praticam a pedagogia de ensino do método Montessori no Brasil, criamos então, uma página dedicada as instituições encontradas por todo o país. Clique no link abaixo:

Escolas Montessorianas no Brasil


Leia mais artigos sobre o método Montessoriano: